Iniciativa de startups para fazer testes de coronavírus em Ribeirão Preto

SUPERA-AÇÃO: iniciativa de sucesso para o diagnóstico da COVID-19

Projetos e serviços bem-sucedidos são sempre pautados na união e na colaboração.

 

E esse foi o caso do SUPERA-Ação, que fez Ribeirão Preto ter excelência no serviço de saúde municipal para o diagnóstico da COVID-19.

 

Apesar dos desafios impostos pela pandemia do novo coronavírus nesses dois últimos anos, fechamos 2021 com números que mostram o sucesso do trabalho realizado.

Junto com a DGLAB, outras empresas do Supera Parque de Inovação e Tecnologia de Ribeirão Preto conseguimos entregar 156.586 resultados de exames entre março de 2020 e dezembro de 2021. Destaque para as startups In Situ e Decoy, que fizeram a gestão e operação do projeto conosco.


Isso representa aproximadamente 22% da população de Ribeirão – algo bastante expressivo!


Observamos no período de testagem, um total de 33,73% de casos positivos. E isso foi de suma importância, pois permitiu a criação de políticas públicas municipais para monitoramento e controle do vírus, com o isolamento dos infectados e direcionamento de internações.


A meta inicial era realizar apenas 5 mil testes no começo da pandemia quando contávamos com mais de 100 voluntários. Fomos muito além! Tivemos mais pessoas trabalhando ao nosso lado com o apoio da prefeitura, com a chamada de 30 bolsistas.


Além disso, recebemos suporte do Instituto Oswaldo Cruz (Fiocruz), com equipamentos que permitiram a automação do preparo das reações para que a DGLab pudesse fazer a identificação do vírus pela técnica de PCR tempo real (RT-PCR). 


Assim, conseguimos atingir 151,5mil testes a mais!!! Algo incrível e impensável quando a decisão de começar o serviço foi tomada, com a colaboração de 23 empresas naquele momento.   


Fruto de iniciativa de vários empreendedores, trabalho incansável em equipe (de domingo a domingo), networking, organização, cooperação, agilidade, comunicação, eficiência na realização dos exames. E muita coragem e competência para administrar isso tudo! 


Com muito orgulho, terminamos 2021 com a sensação e a constatação do dever cumprido. De que a dedicação e a entrega a esse importante serviço (num momento tão delicado para a humanidade) foi super-válido, superou as expectativas, ajudou a trazer qualidade de vida para Ribeirão Preto e para sua população. Afinal, é essa nossa missão!


E missão realizada com sucesso!

Sobre o diagnóstico

A PCR tempo real, ou RT-PCR, é um teste de genética molecular que consegue identificar o RNA do vírus na amostra coletada do paciente. Esta técnica permite detectar a infecção antes mesmo do aparecimento dos sintomas, antecipando o isolamento do indivíduo e evitando a contaminação de mais pessoas. Apesar de ser considerado o "padrão ouro", o exame e a análise dos resultados são mais complexos, pois são realizados apenas por laboratório com equipamentos específicos e pessoas especializadas. 

Como o SUPERA-Ação uniu startups com equipe e estrutura laboratorial de primeira qualidade, essa barreira foi derrubada. Além disso, graças a investimentos em insumos e tecnologias, além da experiência dos voluntários e bolsistas na otimização dos processos, conseguimos fazer a entrega de todos os resultados entre 24 e 48 horas!

Vale ressaltar: todo nosso processo de diagnóstico passou por uma avaliação técnica e foi credenciado pelo Instituto Adolfo Lutz de São Paulo, que validou nossos resultados, permitindo a realização dos testes de forma segura e confiável. Qualidade garantida!

Timeline do projeto

Confira como foi o andamento do projeto!

Abril/2020

Início do projeto

15/06/2020

5.000 testes realizados

10/07/2020

10.000 testes realizados

15/11/2020

40.000 testes realizados

22/03/2021

79.000 testes realizados

20/05/2021

100.000 testes realizados

31/12/2021

156.586 testes realizados

Confira as informações em tempo real!

Nova aula liberada!

Agora além de todas as aulas já publicadas, você terá essa nova atualização:

  • Aula com Thais Verdi sobre Nutrigenômica no Esporte
  • Quase duas horas de conteúdo rico com discussão de casos clínicos