Nosso Teste Genético Esportivo foi reformulado – para melhor!

Descubra o que mudou

Por que o Teste Genético Esportivo sofreu essa atualização?

Assim como a ciência é dinâmica, nós estamos constantemente atentos aos avanços científicos e buscando aprimorar nossos produtos.

Por isso, resolvemos reorganizar a maneira como as informações genéticas são interpretadas e aplicadas no teste esportivo, para que nossos parceiros possam tornar os treinos físicos ainda mais personalizados para cada pessoa.

Veja o que mudou nessa nova versão do teste:

Foram incluídos 4 polimorfismos

MCT1 (rs1049434): responsável pela captação de lactato e íons H+ pelas fibras do tipo 1. Quanto mais eficiente é este transporte, menor o estresse e os danos celulares decorrentes dos exercícios.

AGT (rs699): responsável pela produção do angiotensinogênio, que faz parte do mesmo sistema (renina-angiotensina) de controle da pressão arterial, agindo junto com outros genes para a vasoconstrição.

NOS3 (rs2070744 e rs1799983): responsável pela produção do óxido nítrico pelos vasos sanguíneos, auxiliando na vasodilatação.

Foram atualizadas as características que formam os 4 pilares do teste

Perfil Muscular: ajuda a inferir qual deve ser a intensidade dos treinos.

Perfil de Treinabilidade: permite a prescrição dos intervalos entre as séries e entre as sessões de treinamento.

Perfil de Adaptação aos Exercícios: ajuda a estipular a quantidade de treinos necessários para atingir determinado objetivo

Perfil de Genético Complementar: indica como estão os aspectos metabólicos e estruturais que podem levar ao desgaste tecidual, como a proteção ao estresse oxidativo e a produção de proteínas com ação em tecidos moles.

Foram retirados 2 genes

(GSTM1 e GSTT1)

Isso porque entendemos que, apesar de serem informativos para a elaboração de treinos, estes são genes que agregam mais conhecimento à área da Nutrição, principalmente à Nutrição Esportiva.

Vantagem do novo teste

Neste novo teste procuramos agrupar os genes de maneira distinta para explicarmos cada etapa do processo de prescrição do treinamento, deixando mais fácil de ser realizada.

Isso vai desde saber a intensidade dos exercícios e os intervalos entre as séries, até o número e frequência dos treinos necessários, além de mostrar se há maior chance de acontecer desgastes teciduais decorrentes de aspectos estruturais e metabólicos.

Tudo isso pelo mesmo preço do
antigo Teste Genético Esportivo!

O novo Teste Genético Esportivo invalida o anterior?

Não, ambos os testes têm sua aplicação prática. O que aconteceu foi apenas a inclusão de novos marcadores e a reestruturação das características associadas (pilares do teste) para que se consiga ter mais informações precisas a respeito do melhor tipo de treino.

Posso fazer mentorias para interpretação do novo laudo?

Sim! Mesmo já tendo feito mentoria de interpretação do laudo esportivo anterior, você poderá realizar mentorias para o novo laudo.

Afinal, você terá todo o nosso suporte e resposta a dúvidas também para esta nova versão do teste esportivo – e isso inclui as sessões de mentoria com um profissional especializado.

Se interessou pelo novo Teste Genético Esportivo?

Saiba como adquirir:

É nosso parceiro e realizou o Teste Genético Esportivo?

O upgrade para a nova versão é gratuito! Para solicitar, basta enviar um e-mail, a qualquer momento, para laboratorio@dglab.com.br

*Obs: não é necessária uma nova coleta de saliva.

É nosso parceiro e ainda não realizou o Teste Genético Esportivo?

Faça a ativação do Teste Genético Esportivo já na nova versão.

Basta acessar nossa central do parceiro!

Ainda não é nosso parceiro e gostaria de adquirir o Teste Genético Esportivo?

Conheça nossa parceria com profissionais da área do esporte e da saúde e tenha acesso aos nossos testes genéticos!